Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

Espírito Santo entre os estados com maior número de inscrições no Prêmio Policiais Federais de Jornalismo

Artigo: Uma polícia para o Século XXI - a Carreira Única e o Ciclo Completo da Ação Policial (Por Roberto Darós)

Claudilene e Lucimei: décadas de dedicação ao Sinpef-ES

POLICIAIS FEDERAIS DESENVOLVEM PROJETO DE FUTEBOL QUE AJUDA A MUDAR A VIDA DE JOVENS DE PERIFERIA

A POLÍCIA FEDERAL
SOMOS NÓS!

28/08/2019

FENAPEF E SINPEF-ES SE POSICIONAM CONTRA A PEC 412

Agentes, escrivães, papiloscopistas e peritos da Polícia Federal estão em estado de alerta. A preocupação, manifestada por suas entidades representativas, é a Proposta de Emenda Constitucional 412, a chamada PEC da Autonomia da Polícia Federal, que voltou a ser debatida em Brasília. Para eles, o argumento de que a norma iria fortalecer a instituição é uma falácia. Eles ainda a consideram um retrocesso que pode levar a Polícia Federal ao enfraquecimento e até à extinção, pois retira a Policia Federal do art. 144 da Constituição e a remete a uma lei complementar.

 

“A proposta é uma ação corporativista e baseia-se em argumentos dissimulados. Percebe-se a real intenção no substitutivo que seria apresentado e foi retirado, no qual o delegado de Polícia Federal figura-se como a própria instituição, possuidor de um cargo com prerrogativas próprias nos moldes dos magistrados e Ministério Público, agindo da forma que lhe convém, gozando ainda de benefícios como auxílio moradia. É uma causa de interesse próprio, em que os delegados terão autonomia até mesmo para definirem os próprios salários, mas extremamente prejudicial para a instituição da Polícia Federal e para a sociedade”, dispara o presidente do Sindicato dos Policiais Federais do Espírito Santo (Sinpef-ES) e diretor parlamentar da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Marcus Firme.

 

Ele ainda argumenta que com a aplicação da PEC, seria a PF uma instituição armada, desvinculada do Poder Executivo e, o que é mais grave, sem controle externo. “Há o risco da sociedade ter uma Polícia Federal repleta de desmandos e ações desenfreadas. A premissa é falsa também porque a Polícia Federal já possui autonomia para suas investigações, conforme a Lava Jato já foi capaz de provar para todo o Brasil”,  complementa.

 

A avaliação das instituições representativas dos agentes, peritos e escrivães é que a PEC 412, retira da Polícia Federal a sua natureza jurídica de “órgão permanente”, sua forma de organização e subordinação “organizado e mantido pela União” e a sua estrutura de cargos “estruturado em carreira”, institutos que foram assegurados na Carta de 1988 para o fortalecimento das forças policiais no Brasil, a exemplo de outros países democráticos.

 

“Em que pese a determinação de estrutura em carreira, vale dizer que ela nunca foi implementada na Polícia Federal. Logo, a PEC 412 propõe alteração em comando que sequer foi cumprido. Ela transforma a Polícia Federal do Brasil numa página em branco, que o legislador infraconstitucional, por Lei Complementar, tem a atribuição de escrevê-la, podendo ‘organizar a polícia federal e prescrever normas para a sua autonomia funcional, administrativa e financeira’. Não à toa, a maioria dos policiais federais reprovam essa iniciativa de interesse exclusivo dos delegados, que pretendem criar e extinguir cargos dentro da corporação e definirem seus próprios salários, equiparando-os aos subsídios do STF”.

 

O texto da PEC 412 tramita desde 2009 na Câmara. Recentemente, o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Felipe Francischini (PSL-PR), afirmou que pretende pautar o tema em breve na Casa. A proposta se baseia na autonomia orçamentária, financeira e administrativa da instituição e está sendo patrocinada por entidade representativa dos delegados da Polícia Federal.





    NOTÍCIAS

    Corrupção é tema de concurso de redação em escolas públicas

    Que a corrupção prejudica o País, não há dúvidas. Mas de que forma ela atinge a vida das pessoas? Responder a esta pergunta é o desafio lançado a alunos do terceiro ano do ensino médio de quatro escolas públicas de Vitória, Vila Velha, Cariacica e Serra. Eles poderão participar de um concurso de redação sob o tema “Como a corrupção interfere na minha vida”,  promovido ...

    Controle de crimes exige mudar formas de prevenir e repreender

    Artigo Roberto Darós* Publicado no Gazeta Online (13/10/2019) e Jornal A Gazeta (12/10/2019)   O sentimento de insegurança social se apresenta em qualquer ângulo de análise, tendo em vista que o próprio avanço tecnológico e as novas descobertas científicas acentuaram o grau de desconfiança   A pós-modernidade trouxe o advento da superação de verdades absolutas e imutáveis em todas as á...

    Artigo: Carreira única e Ciclo Completo na Polícia Federal

    Por Roberto Darós, publicado no site Conjur - Consultor Jurídico dia 13/10/2019   É uma tarefa complexa demonstrar a vocês, prezados leitores, no reduzido espaço de um pequeno artigo jornalístico, a urgente necessidade de reestruturação e modernização da Segurança Pública, tendo em vista que demandaria explicações mais detalhadas, começando com a origem histórica de nosso si...

    Federais apoiam projeto de Oficial da Polícia Civil de Sergipe

    A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) defende a aprovação do Projeto Oficial de Polícia Civil (OPC) do estado de Sergipe.  Nessa quinta-feira (3), a entidade encaminhou ofício ao governador Belivaldo Chagas, reiterando o apoio dos policiais federais à proposta de modernização da carreira. A proposta de projeto de lei que foi apresentada ao Executivo local pelo Sindicato dos Policiais Civis de Sergipe (Sinpol-SE) ...

    ES entre os estados com mais inscrições em Prêmio

    O Espírito Santo está entre os estados com maior número de inscrições no 3º Prêmio Policiais Federais de Jornalismo, juntamente com Rio Grande do Sul, São Paulo e Distrito Federal. Foram 140 trabalhos inscritos em todo Brasil, sendo 110 declarados aptos, que prosseguem na disputa. A categoria Webjornalismo teve maior número de candidatos. Os nomes dos finalistas serão conhecidos no próximo dia 21.   “Parabeniz...

    Suicídios entre policiais: “heróis anônimos” estão doentes

    Artigo Roberto Darós*Um assunto delicado como esse (suicídio de policiais) demanda uma abordagem diferente daquela tradicionalmente utilizada para se falar e compreender a origem dos grandes problemas sociais. Por isso, sua atenção e concentração devem também buscar a remota origem do tema que vou lhes apresentar resumidamente, a seguir, com uma pequena base doutrinária, mas de fácil entendimento. Leiam tranquilos. Sei que não...

    Alerta para o risco de doenças mentais e suicídio de policiais

    A rotina de enfrentamento do crime dos policiais é arriscada, mas não tem sido o principal desafio desses profissionais. Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2019, um total de 104 policiais (entre civis e militares) cometeu suicídio em 2018. Um número que ultrapassa o total de policiais assassinados em horário de trabalho.   “A taxa de suicídio entre policiais é três vezes maior que da popula&cc...

    Sindicatos e PF discutem saúde emocional na corporação

    A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) – em parceria com o Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal (Sindipol-DF), a Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais (APCF), a Superintendência da Polícia Federal no Distrito Federal e a Diretoria de Gestão de Pessoal (DGP) da PF – realizaram nesta quinta-feira (12), em Brasília, a palestra “Felicidade e Produtividade no Ambiente de Trabalho&rdquo...

    Assistente social da PF em evento de prevenção ao suicídio

    A assistente social Gegliola Campos da Silva, que atua na Polícia Federal, compôs mesa de discussão sobre a "manifestação suicida em profissionais da segurança pública, saúde e educação", na Ufes, na última terça-feira (10). Estavam presentes renomados profissionais da psicologia e da psiquiatria, bem como outras áreas da saúde. O evento teve como público-alvo acadêmicos, pesquisadores,...

    Novo convênio Sesc/ES e Sinpef beneficia filiados

    Os filiados ao Sinpef-ES agora têm mais benefícios. Acaba de ser assinado um convênio com o Sesc/ES proporcionando uma série de vantagens para os sindicalizados e seus familiares.   Para obter os benefícios do convênio, o sindicalizado deverá fazer a carteirinha do Sesc-ES. Saiba como e onde fazer entrando em contato com Sinpef-ES.   “Estamos muito orgulhos com esse novo convênio. Trabalhamos para que os nossos filiados tenh...

    Clique aqui para exibir mais notícias